Workflow: entenda o que é e quais os benefícios para a empresa

Em plena era digital, uma boa gestão de qualquer negócio está diretamente relacionada à capacidade de dinamizar suas etapas e procedimentos, independentemente de qual seja o seu porte ou ramo de atuação.

Nesse cenário, diversas são as tecnologias utilizadas para aprimorar os resultados e garantir a fidelização de um número cada vez maior de clientes. Entre as ferramentas disponíveis, o Workflow vem ganhando destaque e ajudando muitos negócios a entrarem na rota do crescimento. Você já ouviu falar desse sistema?

Para ajudá-lo a entender melhor o que é, e como pode ser útil essa tecnologia, preparamos um post recheado de informações. Siga a leitura e confira!

Afinal, o que é um Workflow?

O termo Workflow tem origem na língua inglesa e pode ser traduzido como fluxo de trabalho. Na prática, o Workflow é sinônimo de automatização de processos, é a ferramenta responsável por estabelecer uma ordem hierárquica para uma melhor execução de tarefas.

Com a implantação do sistema, as atividades, documentos, etapas, enfim, todas as atribuições do empreendimento são distribuídas e organizadas de maneira que cada setor conheça os aspectos principais de suas responsabilidades com antecedência.

Trata-se, portanto, de um mapeamento dos processos organizacionais, a fim de proporcionar uma atuação com maior fluidez e eficiência; estratégia essa que influencia desde a rotina administrativa até o pós-venda da empresa.

Além de facilitar o trabalho do gestor e trazer resultados positivos para o empreendimento como um conjunto, a melhoria gerada pelo Workflow é fundamental para melhorar a experiência dos clientes.

Como funciona e quando usar essa ferramenta?

O funcionamento do Workflow envolve a missão de agrupar os fluxos de trabalho já existentes na empresa, independentemente da possibilidade de automatizá-los ou não, para que na sequência sejam convertidos em tarefas, e posteriormente distribuídos entre os participantes do projeto.

Nesse contexto, um dos diferenciais é a seleção das pessoas mais capacitadas ou que possuem mais afinidade com cada tipo de atividade; ou seja, existe um maior grau de personalização, o que estimula a satisfação interna.

Mais do que uma ferramenta tecnológica, o Workflow é uma metodologia desenvolvida para o acompanhamento da rotina de trabalho, de maneira que as melhores estratégias sejam direcionadas para aperfeiçoar o desempenho empresarial.

O momento ideal para investir nessa tecnologia é antes que a empresa apresente falhas de grande proporção ou prejuízos significativos para começar a pensar em inovação. Por isso, o quanto antes for adotada, melhor.

Quais os principais benefícios para a empresa?

Melhora a comunicação interna

A falha na comunicação interna é um problema que reflete no desempenho geral da organização. Em primeiro lugar, para realizar um trabalho satisfatório os colaboradores devem estar cientes dos objetivos e metas a serem alcançados.

Então, se eles não entendem o que há por trás de cada ação, do valor gerado por sua função, fica difícil manter um alto nível de engajamento e, consequentemente, a produtividade deixa a desejar.

Outro fator prejudicial que resulta de uma comunicação interna ineficiente é a quantidade de erros que são cometidos em todos os processos. Quando a troca de informações não é direta, existem outras pessoas intermediando a mensagem entre o remetente e o destinatário. A  tendência é que haja ruídos nesse diálogo, isto é, que a ideia principal chegue ao seu receptor um pouco distorcida.

Com a ajuda do Workflow as informações são integradas no sistema e é possível acompanhar o status de andamento das tarefas. Dessa forma, o entrosamento entre os setores é muito maior e as operações do dia a dia ganham agilidade e segurança.

Padronizar os processos

A padronização é uma importante característica para quem busca prestar um serviço de qualidade ao mercado. Ao adotar processos padronizados, as tarefas são cumpridas de forma harmônica, evitando redundâncias ou o retrabalho para corrigir as falhas cometidas.

Assim, quando os softwares de automatização são incorporados à estrutura de funcionamento do negócio, o gestor tem a possibilidade de estabelecer os parâmetros de excelência desejados configurando no sistema o que exatamente precisa ser melhorado, bem como os caminhos para chegar aos resultados pretendidos.

Aumentar a produtividade individual e coletiva

A aplicação do Workflow também está relacionada ao ambiente que é gerado para que os funcionários tenham novos insights para suas atribuições individuais. Normalmente, cada funcionário se incumbe das atividades com as quais tem mais afinidade.

Isso porque, com a automatização dos procedimentos, tudo acontece de forma mais eficiente. Então, há mais tempo disponível para estimular a criatividade e concentrar esforços para as decisões mais importantes.

Ademais, essa vantagem também repercute na produtividade coletiva. Se todos os colaboradores têm condições de trabalho favoráveis e os instrumentos necessários para aprimorar o seu desempenho, as equipes produzirão mais e com qualidade.

Reduzir custos

A redução de custos gerada pelo investimento no Workflow parte do princípio do aproveitamento máximo dos recursos: produzir mais, utilizando cada vez menos.

Uma vez que esta tecnologia contribui com a eliminação de processos desnecessários e falhas na execução das tarefas, a empresa passa a funcionar com agilidade e a precisão ideais para não ter que repetir  procedimentos

A economia alcançada com a modernização oferecida pelo Workflow é resultado da soma de todos os outros benefícios que o sistema proporciona.

Como implantar um Workflow no seu negócio?

O ponto de partida para implantação um Workflow nos processos e funções do seu empreendimento é fazer uma análise minuciosa de todas as atividades realizadas na rotina empresarial. Trata-se de uma etapa importante para diagnosticar quais procedimentos comportam a automatização, bem como as estratégias mais pertinentes para o seu gerenciamento.

Feito o primeiro levantamento, outro ponto crucial é mapear os processos, e assim investigar os setores e aspectos que carecem de melhorias. Na sequência, os colaboradores devem ser capacitados e familiarizados com as novas técnicas de trabalho.

Como podemos constatar, o Workflow é uma ferramenta que tem muito a somar para a competitividade do negócio no mercado e na conquista da preferência dos clientes. Ele simplifica o trabalho dos colaboradores, tornando-os cada vez mais eficientes e gera a excelência necessária para manter a empresa entre os melhores players.

Gostou do post? Agora que você já sabe como o Workflow pode ajudar no sucesso do seu negócio, assine a nossa newsletter e receba outras dicas valiosas diretamente no seu e-mail! 

Powered by Rock Convert
0 110