Entenda a importância de relatórios gerenciais para as empresas

Sem dúvida, são necessários muitos conhecimentos na gestão de uma empresa. Um deles é a produção de relatórios gerenciais. Trata-se de documentos que avaliam o desempenho de diferentes segmentos de uma companhia.

Essas informações ajudam os gestores a tomarem melhores decisões, pois eles têm uma visão clara sobre o que acontece na organização. Dessa forma, fica mais fácil otimizar as atividades operacionais e se planejar com a intenção de evitar dívidas e aumentar os lucros.

Você está interessado em saber mais sobre esse assunto? Neste post informaremos os principais tipos de relatórios existentes, a importância deles e como esses documentos ajudam as empresas a tomarem melhores decisões. Acompanhe a seguir.

Quais são os principais relatórios gerenciais?

Fluxo de caixa

Esse documento demonstra todo o dinheiro que entra e sai na companhia em um determinado período. Na maioria das vezes, ele é feito com a intenção de pensar e projetar as decisões a serem tomadas nos próximos 30 dias.

No momento de preencher o relatório, é importante colocar os seguintes dados: pagamentos a serem feitos (saída de capital), recebimentos previstos e previsão de venda (geralmente baseada no histórico da empresa). Dessa maneira, se somadas as receitas e subtraídas as despesas, é obtido o saldo líquido da companhia.

Esse relatório é útil para os gestores ficarem bem informados em relação à situação financeira da organização. Por meio desse documento, é possível saber se a empresa está dando lucro ou prejuízo, se precisa de mais capital de giro e os seus gastos. Com essas informações, fica mais fácil planejar as ações com a intenção de melhorar os resultados da empresa, como oferecer treinamentos aos funcionários ou mudar a estratégia de vendas, por exemplo.

Contas a pagar

Apesar de estar relacionado ao documento anterior, esse relatório merece bastante atenção. Isso, porque, qualquer negócio precisa pagar alguns compromissos para continuar funcionando ou produzir. Por isso, é fundamental ter um controle detalhado de todas as despesas.

Nesse documento é fundamental colocar os dispêndios fixos (aluguel, salários, contas de água, luz, etc.) e os gastos variáveis (comissões e matéria-prima, por exemplo). Não se esqueça também de registrar o valor de cada conta, número de prestações e a data de vencimento.

Assim, é possível verificar as contas pagas dentro do prazo, a quantia gasta com juros ou multas e as faturas pendentes. Além disso, ele possibilita a antecipação de custos, o planejamento de compras, a realização de investimentos, e prepara o caixa para que os compromissos sejam quitados sem ocasionar problemas no saldo.

Contas a receber

Esse documento detalha os dados em relação às datas e valores a serem recebidos, descontos efetuados, cobrança de juros, os clientes com contas em dia e o número de contatos feitos com cada pessoa até o pagamento do produto ou serviço.

O relatório ainda ajuda no controle do caixa, na definição de investimentos, na realização de contratações e outras tarefas necessárias nas empresas. Ainda é possível pensar em medidas com a intenção de melhorar a forma que a companhia cobra os consumidores e os meios de pagamento para reduzir a inadimplência.

Demonstração do Resultado do Exercício

Esse documento é obrigatório para todas as companhias de capital aberto (empresas que contam com ações na bolsa de valores). O comprovante demonstra o desempenho e os resultados financeiros de um empreendimento. Tal procedimento é feito por meio da relação das receitas e despesas de uma empresa.

Dessa maneira, a Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) permite saber se uma empresa está dando lucro ou prejuízo e se será possível executar tudo o que foi planejado. Tal controle financeiro ajuda os gestores a tomarem melhores decisões e saberem quais são os investimentos viáveis ao negócio. Fica mais fácil, portanto, verificar a relação custo-benefício de algo e fazer investimentos sem prejudicar os cofres da empresa.

Como esses documentos ajudam as empresas a tomarem melhores decisões?

Auxilia a identificar falhas

Por meio dos relatórios gerenciais, é possível saber quais são as atividades mais lucrativas e que, portanto, devem ser mantidas por causa da renda obtida. Além disso, os documentos apontam as falhas cometidas e elas podem ser verificadas desde o início das operações.

Com os relatórios em mãos, os gestores poderão se precaver nas operações futuras sobre as falhas cometidas anteriormente e pensar em medidas para resolver os gargalos da empresa. Isso é muito importante, pois em algumas situações as atividades não têm o lucro esperado, e os administradores não identificam os erros cometidos. Com esses relatórios, eles saberão de forma precisa o que deve ser mudado na companhia.

Facilita a tomada de decisões

As decisões definem os rumos de qualquer empresa. Muitas delas são importantes para determinar o sucesso ou o fracasso da atividade. Os documentos gerenciais facilitam bastante as escolhas para os gestores, pois são detalhados e indicam as atividades que estão com dificuldades.

Dessa maneira, o administrador estará seguro em relação às decisões. Pode ser, por exemplo, investir em algum produto, vender um novo serviço, abrir novas filiais, desistir de alguma operação, contratar novos funcionários etc. A chance de erro se reduz bastante, pois todas as análises são feitas baseadas em dados precisos e confiáveis.

Permite a criação de melhorias no processo

Por meio dos relatórios gerados, o empresário analisará diferentes atividades, poderá examinar o andamento delas e pensar em ações com a intenção de melhorar os resultados.

Além disso, os documentos facilitam na identificação de problemas. Por meio dessa análise, será possível identificar as causas deles, propor melhorias para resolvê-los e impedir que esses gargalos voltem a acontecer. Dessa forma, por meio dos estudos feitos, ficará mais fácil de potencializar os resultados das empresas.

Os relatórios gerenciais apresentam informações essenciais sobre diferentes departamentos das empresas. Eles são detalhados, possibilitam uma análise precisa das informações e ajudam os empresários a tomarem decisões seguras. Considerando os benefícios mencionados, esses documentos são essenciais no desenvolvimento dos negócios.

Este artigo sobre a importância dos relatórios gerenciais foi útil para você? Siga a gente nas redes sociais e receba mais conteúdos incríveis como este em primeira mão. Estamos no Facebook, LinkedIn, YouTube e Instagram.

Powered by Rock Convert
0 157